Livros de Terapia Cognitiva e Comportamental

Estão sendo disponibilizados indicações comentadas dos melhores livros sobre Terapia Cognitivo-comportamental e temas afins.

Terapia Cognitiva: Teoria e prática, Autora: Judith S. Beck, Editora: Artmed

Essa obra é uma referência para todo estudante que deseja ingressar no estudo da Terapia Cognitiva (TC). Judith Beck (filha do criador da Terapia Cognitiva - Aaron Beck) conseguiu desenvolve um livro extremamente didático que ajuda na compreensão dos principais conceitos e da prática clínica baseada nos conceitos da Terapia Cognitiva. Aborda temos como pressupostos básicos da TC, indentificação de pensamentos automáticos, identificação de emoções, como modificar pensamentos automático e prevenção de recaída. Obrigatório a todo iniciante nessa abordagem clínica.

 

__________________________________________________________________________________________________________________

Técnicas de Terapia Cognitiva: Manual do Terapeuta, Autor: Robert L, Leahy, Editora: Artmed

O Robert Leahy é um moderno Terapeuta Cognitivo que vem revolucionando a forma de pensar a Terapia Cognitivo-comportamental. Nessa obra ele trás diversas técnicas cognitivas e comportamentais inovadoras que rompe com a maneira tradicional de lidar com casos clínicos. Esse é um livro focado em técnicas e não em transtornos, assim ele ensina a evocar, avaliar e contestar pensamentos; avaliar pressupostos e regras; colocar pensamentos disfuncionais em perspectiva; modificar a necessidade de aprovação entre outras técnicas. Deve ser adquirido com o intuito de ampliar seu repertório de técnicas cognitivas e comportamentais.

 

 

_____________________________________________________________________________________________________________________

Superando a Resistência em Terapia Cognitiva, Autor: Robert L. Leahy, Editora: LMP

Essa é mais uma obra do Robert Leahy que vem inovar a forma como terapeutas cognitivos lidam com as demandas psicológicas contemporâneas. Diferente de qualquer obra da Terapia Cognitivo-comportamental "Superando a resistência em Terapia Cognitiva" mescla a TCC com conceitos de outras abordagens como a psicanálise. Ele parte do princípio que nenhuma abordagem tem como deter todo o saber do conhecimento psicológico e por isso pode recorrer a outras abordagens para ampliar sua prática clínica. Ele trás diversas características do paciente ou do terapeuta que levam a ruptura de aliança terapêutica, falhas profissionais que levam a resistência pelo paciente e como superar a ruptura. Com certeza, é um livro que não pode deixar de ser lido por aqueles que querem enriquecer as estratégias com pacientes resistentes.

 

_________________________________________________________________________________________________________________________________________

Como lidar com as preocupações: Sete passos para impedir que elas paralisem você, Autor: Robert L. Leahy, Editora: Artmed

fotoAmpliada_2247

Diferente das outras obras, Robert Leahy tenta popularizar os conhecimentos da Terapia Cognitiva com esse livro que é um mix entre livro com ferramentas científicas e livro de auto-ajuda. Nesse livro, Leahy ensina pessoas que apresentam preocupações exageradas ou pessoas com Transtorno de ansiedade generalizada (TAG) a lidar com suas preocupações. O livro ensina um protocolo de 7 passos que ajuda a diminuir a ansiedade. Além disso, o autor inova mais uma vez ao dividir o livro, não mais em técnicas ou transtorno, nos conteúdos das preocupações ou nas crenças centrais dos paciente com TAG. Assim, os capítulos são divididos em preocupações com finanças, preocupações com a vida amorosa, preocupações com o trabalho, etc. Um ótimo livro que ajuda a compreender como a terapia cognitiva pode ser efetiva com demandas cotidianas.

 

______________________________________________________________________________________________________________________________________

Terapia do esquema: Guia de técnicas Cognitivas-comportamentais inovadoras, Autor: Jeffey Young, Editora: Artmed

Young é um terapeuta com base cognitivista que vem ampliando as demandas de tratamento da Terapia Cognitivo-comportamental com a criação da Terapia de Esquema. Sua proposta de atuação clínica é focado nos transtornos da personalidade e nos esquemas disfuncionais - dezoito esquemas que prejudicam o funcionamento global e a interação social. A atuação clínica parte de uma investigação minuciosa do passado do paciente que começa com a aplicação de inventários da Terapia do Esquema, passando pela identificação dos esquemas disfuncionais,  técnicas cognitivas, técnicas comportamentais, técnicas vivenciais. Essa é a obra mais completa sobre Terapia de Esquema publicada no Brasil. Uma nova forma de comprender os problemas psicológicos, mas que ao mesmo tempo não nega as descobertas das Terapias Cognitivas e comportamentais.

 

_______________________________________________________________________________________________________________________________________

A prática da Terapia Cognitivo-comportamental baseada em mindfuldness e aceitação, Autoras: Lizabeth Boemer e Susan Orsillo, Editora:Artmed

Este livro traz um ponto de vista moderno sobre as abordagens cognitivas e comportamentais. Ele faz a integração da prática de aceitação e mindfulness à terapia cognitivo-comportamental. Dentre as influências deste livro estão o Budismo e a Yoga. Parte-se do princípio que esses conhecimentos filosóficos podem complementar a prática das tradicionais terapias cognitiva e comportamental. Os autores combinam elementos da terapia de aceitação e comprometimento, da terapia cognitiva e da prevenção de recaída baseadas em mindfulness, demonstrando como conduzir uma avaliação, desenvolver uma formulação de caso e planejar um tratamento flexível para cada paciente. Exemplos de casos e transcrições ilustram o processo da terapia. O livro inclui ainda formulários de exercícios para serem utilizados na prática clínica.

 

_______________________________________________________________________________________________________________________

Terapia Cognitiva dos Transtornos da Personalidade, Autores: Aaron Beck, Arthur Freeman e Denise Davis. Leahy, Editora:  Artmed

Qualquer profissional que trabalhe com atendimento clínico desde terapeutas cognitivos ou comportamentais, assim como os terapeutas de orientação psicodinâmica, podem se beneficiar com essa obra. Ele trata do tratamento cognitivo-comportamental dos transtornos da personalidade. A clara conceitualização dos transtornos da personalidade e as ilustrações concretas de como aplicar esses conceitos na prática ajudarão o leitor a conseguir maior habilidade como terapeuta, melhores resultados terapêuticos e maior satisfação profissional no dia-a-dia. Essa é uma excelente obra para aqueles que desejam sair do tratamento tradicional, baseado apenas em transtornos de ansiedade e ampliar a sua prática clínica para utiliza-la com pacientes que apresentam transtornos persistentes.

 

_______________________________________________________________________________________________________________________

Análise comportamental Clínica: Aspectos teóricos e estudo de caso, Organizador: Ana Karina C. R. de Farias, Editora: Artmed

Análise comportamental clínica é uma obra que explana acerca das novas tendências das psicoterapias comportamentais, indo desde a filosofia até a prática clínica da Análise Funcional.  Essa obra além de possibilitar um valioso entendimento da teoria que embasa essa abordagem, também descreve de forma clara, rica e contextualizada o tratamento de vários problemas e transtornos psicológicos a partir da análise funcional. Também traz estudos de caso para uma melhor compreensão do tratamento clínico.

 

 

_________________________________________________________________________________________________________________________

O livro negro da Psicanálise

Publicado incialmente na França com o título de "Le Livre Noir de la Psychanalyse", Catherine Meyer, causou polêmica ao questionar a validade das teorias desenvolvidas por Freud e a eficácia da própria psicanálise. Ele reúne artigos, entrevistas e depoimentos de autores de diversas áreas que apontam uma série de inverdades postuladas por Freud. É um livro bastante convincente na sua argumentação e ao mesmo tempo bastante polêmico que coloca a psicanálise como uma mera obra especulativa. Além de tudo, Catherine Meyer desafia os psicanalistas a provarem a validade dos conceitos desenvolvidos por Freud e outros psicanalistas, assim como realizado pelas abordagens cognitivo-comportamentais que testam cientificamente suas teorias e técnias.

VocÊ SaBIa?

Porque gostamos tanto de ficar perto de bebês?

    Você já se pegou com uma enorme vontade de cuidar de um bebê? Ou de simplesmente agarrá-los? Não há dúvidas de que os bebês nos despertam a vontade de ficarmos pertos e sermos carinhosos com eles. Mas porque isso acontece?

    Psicobiológos argumentam que os bebês apresentam um conjunto de características denominadas de características neotênicas, como: olhos e cabeça proporcionalmente grandes em comparação com o corpo, cabeça arredondada, queixo retraído, nariz pequeno, corpo relativamente pequeno e membros curtos, que associados a alguns comportamentos, como os movimentos desajeitados e o sorriso, fazem com que os bebês sejam vistos de forma extremamente afetuosa e acabam por atrair a atenção dos adultos.

    A necessidade de cuidar de indivíduos aparentementes inofensivos e tão forte no ser humanos que somos tentados a modificar as características de nossos animais de estimação no intuito de fazer com que eles obtenham características semelhantes aos infantes humanos. Também podemos perceber essa tendência nos desenhos infantis que usam das características neotênicas para atrair a atenção do seu público.